Escritor e cronista Antonio Prata ministra oficina em Etec da Capital

Escritor e cronista Antonio Prata ministra oficina em Etec da Capital

Participam da atividade 80 alunos do Ensino Médio com ênfase em Linguagens e suas Tecnologias da Etec Professor Horácio Augusto da Silveira, localizada na zona norte.

Estudantes da Escola Técnica Estadual (Etec) Prof. Horácio Augusto da Silveira, localizada na zona norte da Capital, participam nesta semana da oficina “Crônica, a literatura ao rés do chão”, ministrada pelo escritor, roteirista e cronista do jornal Folha de São Paulo Antonio Prata. Realizada entre os dias 30 de agosto e 1º de setembro, a atividade envolve 80 alunos do Ensino Médio com ênfase em Linguagens e suas Tecnologias.

Durante três encontros presenciais, Antonio Prata vai abordar o gênero da crônica, por meio de autores como Rubem Braga, Fernando Sabino e Machado de Assis. Além disso, vai ler e comentar textos produzidos pelos estudantes durante a oficina. Na segunda-feira (28), ele já esteve na unidade para conhecer os alunos e explicar o formato da atividade.

A oficina faz parte do projeto Motirõ – Escola de Criação Literária, que oferece anualmente cursos gratuitos de leitura e criação de textos ficcionais e poéticos, ministrado por renomados escritores e poetas brasileiros. O objetivo é apresentar aos alunos da rede pública do Ensino Médio e das Faculdades de Letras e Literatura o prazer de ler, de experimentar as possibilidades oferecidas pela escrita e de desenvolver habilidades para a criação de textos literários.

“Essa interação inspira os estudantes a explorarem as maravilhas da escrita de maneira excepcional”, afirma o diretor da Etec, Michel Franklin. “O projeto não apenas motiva, mas também se apresenta como uma porta de entrada para uma jornada apaixonante no mundo da literatura para nossos alunos.”

Motirõ é resultado de parceria entre a Oceanos Cultura, responsável pela realização do Oceanos-Prêmio de Literatura em Língua Portuguesa, e Instituto Alair Martins (Iamar), braço social do Sistema Martins.

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Quer saber mais sobre o cursinho?