Ensino Técnico é visto como oportunidade de capacitação

Ensino técnico é Oportunidade

Ensino Técnico é visto como oportunidade de capacitação

Informação consta do Relatório Socioeconômico, elaborado pela Fundação de Apoio à Tecnologia, que traça perfil dos aprovados no Vestibulinho das Etecs do segundo semestre.

Jovens com até 28 anos (72%), solteiros (80%), com renda familiar de até cinco salários mínimos (85%), que fizeram o Ensino Fundamental 2 (5º ao 9º ano) integralmente em escolas públicas (85%), e que buscam no Ensino Técnico uma oportunidade de capacitação (67%). Esse é o perfil da maioria dos candidatos aprovados para as Escolas Técnicas Estaduais (Etecs) no Vestibulinho para o segundo semestre de 2023, segundo informações do Relatório Socioeconômico produzido pela Fundação de Apoio à Tecnologia (FAT), responsável pelos processos seletivos do Centro Paula Souza (CPS).

Ainda de acordo com o levantamento, mulheres representam 52% dos ingressantes. A autodeclaração de afrodescendência foi feita por 35% do total de candidatos. Metade dos aprovados (50%) declarou que não trabalha. Entre os motivos para a escolha do curso estão possibilidade de melhora no desempenho profissional (31%); confiança de que o curso proporcionará ascensão na carreira (20%); oportunidade de especialização (5%); e aumento dos conhecimentos na área de estudos (11%).

A pesquisa identificou também que 23% dos novos ingressantes estão cursando o Ensino Médio e buscam complementar a formação com uma habilitação técnica. Para 11%, o curso técnico será feito após a conclusão de um curso superior.

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Quer saber mais sobre o cursinho?