Alunos de Etec criam sistema de coleta de eletrônicos

Alunos de Etec criam sistema de coleta de eletrônicos

Ideia do ‘Ecoguide’ surgiu durante visita técnica a empresa e se transformou em Trabalho de Conclusão de Curso; projeto foi apresentado na Campus Party.

Estudantes da Escola Técnica Estadual (Etec) de Carapicuíba, Região Metropolitana de São Paulo, criaram um sistema que possibilita o agendamento de coletas de resíduo eletrônico, o Ecoguide. A ideia surgiu durante uma visita técnica à empresa HP (Hewlett-Packard Company). Adna Araújo, Ana Paula Fagundes, Andrey da Silva, Arthur Selingin, Bianca Almeida e Guilherme de Brito foram desafiados a desenvolver um projeto que visasse recolher resíduos eletrônicos mal descartados para a aplicação de logística reversa.

“Passamos por diversas etapas que nos prepararam para a criação do projeto, desde técnicas como design thinking, pesquisa de campo e prototipação, até, por fim, o desenvolvimento do pitch – apresentação breve e direta de uma empresa, produto, serviço ou ideia”, comenta Bianca.

A jovem conta que, durante a visita, os estudantes participaram de dinâmicas com outros visitantes. O grupo conquistou o primeiro lugar no desafio e decidiu aproveitar o tema na elaboração de seu Trabalho de Conclusão de Curso (TCC). O grupo cursa o terceiro ano da Articulação da Formação Profissional Média e Superior (AMS) em Desenvolvimento de Sistemas.

A ideia do Ecoguide é funcionar a partir do agendamento da coleta realizado no site para a retirada do produto ou equipamento na residência dos usuários. “Com os resíduos em nosso estoque, nós buscaríamos empresas que realizam o processo de logística reversa, com o intuito de revender e auxiliar as empresas nessa transformação dos produtos em matéria-prima”, explica.

O sistema de coleta já está pronto, mas passa por manutenção. “Estamos fazendo progressos no nosso projeto com o andamento do curso. Hoje o sistema está offline para atualização e melhoria. Queremos expandir o Ecoguide para o Estado. Inicialmente, a atuação seria apenas na Região Metropolitana”, pontua Bianca.

Participação na Campus Party

Em julho, o projeto foi apresentado ao público no estande do Centro Paula Souza na 15ª edição da Campus Party Brasil (CPBR15), com a participação dos alunos e dos professores Luís Ricardo de Oliveira, orientador dos estudantes, e do coordenador do curso de Desenvolvimento de Sistemas, Wesley Castanha. “Foi desafiador participar do evento, estávamos fora da nossa zona de conforto e apresentando nosso projeto para diversas pessoas, atuantes em áreas de tecnologia, ciência e outras. A sensação de apreensão esteve presente, mas sempre mantivemos nossa compostura e conseguimos, mais uma vez, conquistar nosso espaço”, detalha Bianca.

O professor do curso de Desenvolvimento de Sistemas e responsável pelo projeto, Luís Ricardo, conta que ver a evolução do grupo é motivo de muito orgulho. “É muita realização e alegria ver que os alunos estão superando todos os obstáculos e alcançando com muito mérito grandes conquistas como esta”, finaliza.

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Quer saber mais sobre o cursinho?